ENTREVISTA- NATY VAMP/por CENTRAL ROCK

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2010.



Natália Cunha Trotti, 25 anos, é o nome verdadeiro de Naty Vamp.

Ela nos conta um pouco sobre a cena Gótica e seus costumes e ainda como adotou o estilo Gótico/Vampiro para seguir. Confira essa entrevista.

Central Rock: Para começar nossa entrevista eu gostaria de saber o seu nome e como surgiu o projeto que está fazendo muito sucesso.
Naty Vamp: Meu nome é Natália, mais conhecida como Naty Vamp. Meu Projeto - Uma idéia que surgiu enquanto moderava minhas comunidades sobre góticos no Orkut no final do ano de 2006... A subcultura gótica é um misto de visual + música, foi onde surgiu a idéia de criar algo usando a beleza gótica feminina. Quis fazer algo que pudesse mostrar sobre elas (Meninas Góticas Famosas) usando diversos temas dentro do que envolve “o gótico” e como isso seria mostrado por cada uma delas e como poderia ficar em cada uma.

Central Rock: Seu interesse pela música gótica veio de que forma?
Naty Vamp: Aos 13 anos de Idade, um tio já falecido curtia muito rock, só que de uma forma geral, um dia ele estava ouvindo The Sisters Of Mercy, e gostei muito, e fui procurar conhecer mais sobre a banda, então tudo começou pelo The Sisters.

Central Rock: O que é ser Gótico?
Naty Vamp: Ser gótico ao contrário do que muitas pessoas falam e afirmam de forma errada, não é nascer gótico e muito menos ter a alma gótica, é um conjunto de visual, música, conhecimento sobre a cena, algo simples e ao mesmo templo complexo, ainda existem pessoas que distorcem muito ao falar do assunto causando polêmicas, e até mesmo enxergando o Gótico como uma pessoa depressiva, mal-humorada, entre tantas outras coisas que são apontadas mais uma vez de forma errada por não ter o verdadeiro conhecimento sobre o assunto e por tantas pessoas que se dizem “góticas” acabar representando a cena de forma errada.

Central Rock: Qual a sua visão sobre o cenário gótico brasileiro?
Naty Vamp: Hoje grande parte dos adolescentes no Brasil dizem que são góticos.

Central Rock: Gostaria que você nos explicasse sobre a arte cemiterial?
Naty Vamp: Os cemitérios mais antigos encontramos trabalhos de artistas famosos. Em alguns casos, os mausoléus são verdadeiras obras de arte, alvos de visitas, mas deixando claro que não é uma regra freqüentar cemitérios só porque você é gótico, vai quem quer... para ler um livro, para pensar na vida, ou apenas para admirar as artes que podemos encontrar em alguns túmulos.

Central Rock: Qual é o seu tipo de literatura?
Naty Vamp: Amo leitura de forma geral, mas o que mais me atrai são livros sobre Teatro, alguns de Filosofia, Terror, Suspense, Vampiros...

Central Rock: Como é organizado cada um de seus eventos?
Naty Vamp: São eventos realizados aqui no ABC – SP, são voltados a cena Gótica que infelizmente aqui no ABC está precária, são poucos os eventos, eu mesma estou dando um espaço maior entre um evento e outro, O trabalho costuma ser em equipe, geralmente tenho de 3 a 4 pessoas me ajudando.

Central Rock: Falando em eventos. O que achou do convite da Central Rock para participar da festa de fim de ano no dia 6 de Dezembro na chácara Santa Isabel. Pode ainda nos dizer quais serão as novidades para o público Gótico?
Naty Vamp: Achei maravilhoso, principalmente porque já é um evento voltado para o Rock, e acho que vai ser muito bom ter um espaço para galera Gótica lá... Novidades???? (risos)... aguarde e confira!!!

Central Rock: Você acha que a cena Gótica paulistana é unida, tem força. O que precisa ser feito para melhorar?
Naty Vamp: Existem muitas “panelas”, acho que ainda falta muito para ser unida, apesar de ter um peso aqui em SP, os eventos poderiam ser de melhor qualidade, com mais divulgação e freqüência, fazer qualquer evento em qualquer lugar, qualquer um pode fazer, mas que tenha qualidade em DJ´S , no ambiente, nas atrações... isso é mais difícil de encontrar.

Central Rock: Para encerrar as considerações finais são sua.
Naty Vamp: Primeiramente gostaria de agradecer o espaço que vocês da Central Rock estão me dando, agradecer a todas as pessoas que têm acompanhado meu trabalho com o site Góticas Famosas, a todos os fãs e amigos que sempre estão comigo.“A VIDA É CAIR SETE VEZES E LEVANTAR OITO"!!! O mais importante é sabermos o que fazer quando estamos mais uma vez de pé, por mais constrangedor e desagradável que isso seja já aprendemos a nos levantar. Deveríamos ajudar as pessoas a fazer o melhor daqui pra frente! Vamos rever algumas coisinhas em nós mesmos? O egoísmo das pessoas de olharem apenas para si e ainda fingirem que são as melhores pessoas do mundo... Se quisermos melhorar a cena Gótica, temos que unir pessoas e não afastá-las com críticas, Afinal ninguém nasce sabendo!!!

3 Comentários:

Lavdate disse...

Naty minha super amiga, tenho muito prazer de trabalhar com ela neste projeto a mais de 1 ano^^
Agora ela erá mamae^^

Alan disse...

Muito boa a entrevista, falo tudu principalmente nas consideracoes finais

Goticos disse...

A Naty é tudo de bom,assim como a Lavdate,tb trabalho com a Naty e amoo o trabalho q ela faaz...aparabéns mamãe de primeira viajeem...

Postar um comentário

 
:.::GOTHIC SOROCABA::.: © Copyright 2010 | Template By Mundo Blogger |